Archive for the Cervejas – Análise Category

Birra Moretti…

Posted in Cervejas - Análise on 20 de outubro de 2010 by Sergio Contri

Hey Hey Hey!

Hoje irei falar da Birra Moretti, que é uma cerveja vinda da Itália, que contém 4,6% de Álcool e é feita pelo grupo Birra Moretti.

 

Birra Morreti!

A Birra Moretti é uma genuína e tradicional cerveja tipo lager italiana com mais de 150 anos que possui líquido dourado e sabor encorpado. É ideal para harmonizar com petiscos e massas.

Mas não é uma cerveja que eu recomendo não! Ela é muito “ruinzinha”, não se compara nenhum pouco com as outras cervejas que foram apresentadas aqui! Se você quiser, pode tomá-la só para experimentar mesmo, mas não para tomar toda hora.

Bom, se você chegar e experimentá-la, não vá dizer que eu não avisei que ela era ruim. Ela só é melhor que a Sol, Devassa e outras marcas aí.

 

See Ya!

Anúncios

As 10 cervejas mais vendidas no mundo!

Posted in Cervejas - Análise with tags , , , , , on 29 de setembro de 2010 by Sergio Contri

Hey Hey Hey!

Mais um post sobre cerveja, mas esse não é só sobre uma cerveja e sim sobre 10 cervejas! As 10 cervejas mais vendidas do mundo! Todas elas são claras, leves, não têm mais de 5% de concentração de álcool e patrocinam algum tipo de esporte. Duas delas são light, três são chinesas e uma é brasileira. E, por incrível que pareça, a Skol é dinamarquesa!

Yanjing

10. Yanjing

Tipo: Pale lager (cor clara e muito transparente, sabor moderadamente amargo)

Volume de álcool: 4.5% (garrafa 330mL)

Terra natal: China

Patrocinou: Olimpíadas de Beijing

É cerveja oficial do Partido Comunista Chinês.

Coors Light

9. Coors Light

Tipo: Light (102 Kcal por lata de 350 mL)

Volume de álcool: 4,2%

Terra natal: Canadá

Patrocina: a Liga Nacional de Futebol Americano (NFL) e as corridas de Nascar.

Todas as suas embalagens vêm com “Certificado de Frio”: uma tinta especial que muda de cor quando a temperatura fica a menos de 4°C.

Heineken

8. Heineken

Tipo: Pale lager

Volume de álcool: 4,3%

Terra natal: Holanda

Patrocina: UEFA (União das Federações Europeias de Futebol) e diversos festivais musicais pela Europa, como o Oxegen, maior festival de música da Irlanda.

Possui um aplicativo pra iPhone conectado ao Facebook que serve para chamar seus amigos virtuais pra beber – na vida real, supostamente.

Tsingtao

7. Tsingtao

Tipo: Pilsener (pálida, amarela e com presença de lúpulo)

Volume de álcool: 4,7%

Terra natal: China

Patrocinou: Olimpíadas de Beijing

Criada por alemães instalados na região, passou pelas mãos de japoneses e famílias chinesas até ser estatizada.

Brahma

6. Brahma

Tipo: Pilsener

Volume de álcool: 5%

Terra natal: Brasil

Patrocina: Seleção Brasileira de Futebol, Copa do Mundo, Festa do Peão de Boiadeiro de Barretos e carnaval de diversas cidades brasileiras.

Já teve Fernanda Montenegro, Maitê Proença, Mussum e Luiz Gonzaga como garotos propaganda da marca.

Corona

5. Corona

Tipo: Pale lager

Volume de álcool: 4,6%

Terra natal: México

Patrocina: Associação Profissional de Golf Feminino (LPGA), as corridas de Nascar no México, além de promover o Corona Music Fest, também no México.

Sua garrafa é transparente, “marca registrada” que faz com que ela se estrague mais rápido quando exposta ao sol ou a lâmpadas fortes. Talvez os mexicanos bebam no escuro.

Budweiser

4. Budweiser

Tipo: American Lager (Leves, claras, gaseificadas e aguadas)

Volume de álcool: 5%

Terra natal: Estados Unidos

Patrocina: Copa do Mundo, uma equipe de corrida Nascar e cavalos Clydesdales, utilizados para divulgação da marca.

Compartilha o mesmo nome da cerveja tcheca produzida em Budweis desde o século XIII (a americana foi criada em 1876). A justificativa da Bud americana é que a coincidência se deve ao estilo da cerveja (Budweiser significa “de Budweis”). A confusão dos nomes faz com que a marca americana seja vendida como Bud na Europa, onde a Budweiser Budvar (a tcheca) também é distribuída.

Skol

3. Skol

Tipo: Pilsener

Volume de álcool: 4,7%

Terra natal: Dinamarca

Patrocina: Seleção Brasileira de Futebol, Brasil Surf Pro (circuito de surf brasileiro), Carnavais de Recife e Olinda (PE), festas de São João em Campina Grande e Patos (PB), e diversos shows musicais. Possui um festival de música que acontece por todo o país, o Skol Beats.

Skol vem da expressão sueca “Skål”, que significa ‘Saúde!’ e é utilizada quando os loirinhos lá do norte fazem um brinde. É Dinamarquesa, mas tem licença para ser fabricada no Brasil desde 1967.

BudLight

2. Bud Light

Tipo: Light (95 Kcal por lata de 350 mL)

Volume de álcool: 4,2%

Terra natal: Estados Unidos

Patrocina: NBA (Associação Nacional de Basquete dos EUA), UFC (associação americana de MMA), seleção mundial mexicana de futebol, entre outros.

Era a cerveja mais vendida no mundo até ser desbancada pela…:

Snow

1. Snow

Tipo: American Lager

Volume de álcool: 4,3%

Terra natal: China

Patrocina: Uma edição do “Man Vs Wild”, reality show do Discovery Channel britânico parecido com o No Limite, traduzido no Brasil como “À prova de tudo”.

Na China, é chamada de Xue Hua, que significa, literalmente, “flor da neve”.

É a única cerveja da lista vendida exclusivamente em um país – sorte dela que é no de maior população do planeta!

Fontes: The U.S. Beer Market: Impact Databank Review & Forecast, 2010 Edition e Super.abril.com.br

Czechvar…

Posted in Cervejas - Análise with tags , , on 18 de agosto de 2010 by Sergio Contri

Hey Hey Hey!

Hoje irei falar da Czechvar, que é uma cerveja vinda da República Tcheca, que contém 5% de Álcool e é feita pelo grupo Budweiser Budvar Ceske Budejovice.

Czechvar

Premiadíssima cerveja, rica em malte, com notas de vanila e lúpulo e leves toques de maçã. Refrescante, suave, equilibrada – enfim, perfeita, irretocável como o melhor design tcheco.

A Czechvar Premium Lager, referência nesse estilo de cerveja, é produzida pela Budejovicky Budvar, uma das mais respeitadas cervejarias da República Tcheca e, porque não, do mundo e vem produzindo sua famosa lager na cidade de Budvar, na República Tcheca, desde 1265 ao mesmo tempo em que, vem colecionando prêmios e sinceros adoradores por todo o mundo!

No próximo post sobre cervejas irei falar sobre uma Italiana que tomei, aguardem! Você encontra a Czechvar pelo preço de R$15,90, mas eu encontrei ela no Extra por míseros R$5,00, dei muita sorte. Essa vale a pena tomar, uma cerveja altamente deliciosa!

See Ya!

Franziskaner Hefe-Weissbier Hell…

Posted in Cervejas - Análise with tags , , on 3 de agosto de 2010 by Sergio Contri

Hey Hey Hey!

Hoje irei falar da Franziskaner Hefe-Weissbier Hell, que é uma cerveja vinda da Alemanha, que contém 5% de Álcool e é feita pelo grupo Anheuser-InBev.

Franziskaner Hefe-Weissbier Hell

A Franziskaner Hefe-Weissbier Hell é uma cerveja de cor dourada e opaca cujo sabor condimentado e refrescante se deve à presença ativa do fermento dentro da própria garrafa. Ela apresenta uma espuma abundante, branca e cremosa. Ótima para tomar com saladas e pratos alemães, eu só tomei com a salada mesmo. (rs)


Um breve histórico dela:

A Franziskaner Weissbier é uma das cervejas de trigo mais conhecidas do mundo, com mais de 600 anos. As cervejas de trigo têm uma longa história: os babilônios já apreciavam esse tipo de cerveja, que é obtida através de alta fermentação, a maneira mais antiga de se fazer cerveja.

A Franziskaner se distingue pelo seu agradável nível de carbonato e sabor, deixando uma sensação refrescante. Pelo fato de conter menos lúpulo, quando comparada com a maioria das Pilsen, as cervejas do tipo weiss proporcionam uma sensação gustativa mais suave e frutada. O processo de filtragem permite a presença de fermento após o envase o que, além de dar uma aparência turva à cerveja, promove a re-fermentação na própria garrafa em um processo similar ao das champanhes.

Eu disse que era breve, mas foi bem breve! Você encontrar essa cerveja em qualquer supermercado e ela varia entre R$3,50 à R$5,00. Uma cerveja boa, no estilo da cerveja do Sepultura, quem acompanha o blog, sabe que esse tipo de cerveja não pode ficar muito tempo na geladeira, pois perde o sabor e acaba ficando horrível!


See Ya!

Leffe Blonde…

Posted in Cervejas - Análise with tags , , on 30 de junho de 2010 by Sergio Contri

Hey Hey Hey!

Hoje irei falar da Leffe Blonde, que é uma cerveja vinda da Bélgica, que contém 6,6% de Álcool e é feita pelo grupo Anheuser-InBev.

Leffe Blonde

A Leffe Blonde é seca, frutada e levemente condimentada. Por ser encorpada e muito cremosa, apresenta um perfeito balanço de força e finesse. A cerveja possui um delicado aroma de malte e uma sutil doçura ao final. Histórico Produzida desde o século 13 pelos monges da Abadia Belga de Leffe, a marca Leffe é a cerveja tipo Abadia mais consumida no mundo. A tradicional receita é a mesma desde 1240. A cerveja de alta fermentação é destinada aos apreciadores de cervejas especiais e deve ser lentamente saboreada para a percepção do sofisticado e complexo sabor de um líquido com séculos de tradição.

No próximo mês eu volto com outra cerveja para o conhecimento de todos e o preço dela varia de R$3,00 à R$4,00 a garrafa de 330mls. Vale a pena comprar se você curte algo mais sofisticado, mas se você só curte ficar bêbado, vai beber qualquer coisa! (rs)


LONG LIVE TO THE ROCK!

Murphy’s Irish Red Beer…

Posted in Cervejas - Análise with tags , , on 9 de junho de 2010 by Sergio Contri

Hey Hey Hey!

A partir de hoje vou começar a postar uma vez por mês sobre alguma cerveja importada. Mas para isso eu irei experimentá-la e irei falar se vale a pena gastar com ela ou não.

Esse mês vou fala da cerveja Murphy’s Irish Red Beer, que é uma cerveja vinda da Irlanda, que contém 5% de Álcool e é feita pelo grupo Heinken.

Murphy's Irish Red Beer

A Murphy’s Irish Red é uma cerveja Red Ale irlandesa. Seu sabor encorpado e sua espuma cremosa criam uma textura única no paladar. Também possui mais de 150 anos de tradição, com qualidade reconhecida e premiada internacionalmente, vale a pena comprar e saborear essa cerveja.

Esse é aquele tipo de cerveja que você toma umas 3 ou 4 seguidas e não fica com o gosto na boca, de tão suave que é. O preço dela varia de R$5,40 à R$7,00 a garrafa de 330mls.

No próximo mês eu volto com outra cerveja para o conhecimento de todos, espero que a próxima seja tão boa quanto essa!

LONG LIVE TO THE ROCK!


Sepu Weiss, a cerveja do Sepultura!

Posted in Cervejas - Análise with tags , , , on 5 de maio de 2010 by Sergio Contri

Hey Hey Hey!

Bom, hoje eu vou fazer um post diferente dos que eu faço normalmente. Estava eu na aula de CFC hoje (aula chata pra cacete) e me veio alguns pensamentos sobre o que postar hoje, nisso tive a brilhante de ideia de falar sobre algo que todos do mundo respeitam, a Cerveja!

Mas não vou falar sobre todas as cervejas e quais são as melhores, vou falar especialmente de uma que eu comprei um dia, a cerveja do Sepultura!
Você só encontra essa cerveja na Galeria do Rock e na loja do fã clube do Sepultura, que, se não me engano, fica no 3º andar, a cerveja sai no preço de R$22,00 ou você pode comprar o kit com 2 cervejas, 1 copo e 15 bolachas (para os leigos, bolacha é onde você põe o copo em cima) com todas as capas dos cds do Sepultura.

Kit Sepu Weiss

Eu fui lá e comprei essa cerveja para tomar com o R.Makaron e o Gustavo, mas no dia em que bebemos o Gustavo não estava presente e só o R.Makaron experimentou comigo essa cerveja.

Ela é de consumo imediato ou no máximo 1 semana dentro da geladeira, pois se deixar passar disso, o gosto ficará horrível e você vai fazer altas caras de “que porra é essa?”, sim, eu deixei a cerveja por duas semanas dentro da geladeira e ela não ficou muito boa.

Mas eu aconselho todos a comprar essa cerveja, pois você ganha uma caneta de brinde do Sepultura (uns vão pensar “que merda”) e ainda vai poder guardar a garrafa de recordação, que é muito bonita, e não deixem ela em cima da pia, pois sua mãe poderá jogar fora(sim, minha mãe fez isso).

Agora vão e bebam até vomitar!


LONG LIVE TO THE ROCK AND TO THE BEER!